DEUS TEM RESPOSTA PARA VOCÊ


VISITANTES

LEMBRE-SE

LEMBRE-SE

terça-feira, 31 de maio de 2011

DEUS CAPACITA OS ESCOLHIDOS




Conta certa lenda
que estavam duas crianças
patinando num lago congelado.
Era uma tarde nublada e
fria e as crianças brincavam despreocupadas


De repente,o gelo se quebrou
e uma delas caiu,
ficando presa na fenda que se formou.
A outra,vendo seu amiguinho preso e
se congelando,tirou um dos patins
e começou a golpear o gelo com todas
as suas forças,conseguindo por fim
quebrá-lo e libertar o amigo.
Quando os bombeiros chegaram
e vira o que havia acontecido,
perguntaram ao menino:
-Como você conseguiu fazer isso
É Impossível que tenha conseguido quebrar
o gelo,
sendo tão pequeno e com mãos tão frágeis!
Nesse instante,um ancião que passava
pelo local,
comentou:
-Eu sei como ele conseguiu.
Todos perguntaram:
-Pode nos dizer como
-É simples-responde o velho.
-Não havia ninguém ao seu redor,
para lhe dizer que não seria capaz.


"Deus nos fez perfeitos e não escolhe
os capacitados,
CAPACITA OS ESCOLHIDOS.
Fazer OU não fazer algo só depende
de nossa vontade e perseverança.


Mt 22:14-Porque muitos são chamados.
MAS POUCOS OS ESCOLHIDOS.


Confie...


As coisas acontecem na hora certa.
Exatamente quando devem acontecer!
Momentos felizes,louve a Deus.
Momentos difíceis,busque a Deus.
Momentos silenciosos,adore a Deus.
Momentos dolorosos,confie em Deus.
Cada momento,agradeça a Deus.


DEUS CAPACITA OS ESCOLHIDOS!!!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

REFLITA!



Um dia, eu perdoei meu inimigo
e fui forte…
no outro eu pedi perdão
e fui grande.
Um dia, mostrei minhas razões
e fui eloqüente…
no outro, ouvi meu próximo
e fui humano.
Um dia, lutei pela minha causa
e fui bravo..
no outro, lutei pela causa alheia
e fui gente.
Um dia, batalhei pelo que queria
e fui perseverante…
no outro, dividi o pão
e fui rico!
Um dia, recebi aplausos
e fui admirado…
no outro, fiz o bem em silêncio
e os anjos me aplaudiram.
Um dia, usei a inteligência
e fui respeitado…
no outro, usei o coração
e fui amado!
Quando me dei conta, minha vida mudou quando mudei minhas atitudes diante da vida e dos fatos.
Deixe DEUS agir em sua vida e sonhe os sonhos dele para sua vida, porque os sonhos de DEUS são maiores que os seus!
Medite na palavra: Para Deus não há impossível! Lucas 1.37

domingo, 22 de maio de 2011

BONECA DE CROCHÊ




Um homem e uma mulher estavam casados por mais de60 anos.Eles tinham compartilhado tudo um com o outro e conversado sobre tudo.Não havia segredos entre eles,com exceção de uma caixa de sapato que a mulher guardava em cima de um armário e tinha avisado ao marido que nunca abrisse aquela caixa e nem perguntasse o que havia nela.Por todos aqueles anos ele nunca nem pensou sobre o que estaria naquela caixa de sapato. Um dia a velhinha ficou muito doente e o medico falou que ela não sobreviveria.
Sendo assim,o velhinho tirou a caixa de cima do armario e a levou pra perto da cama da mulher.Ela concordou que era hora dele saber o que havia naquela caixa.Quando ele abriu a tal caixa,viu duas bonecas de crochê e um pacote de dinheiro que totalisava R$ 100 mil.
Ele perguntou a ela o que aquilo significava,ela explicou:-Quando nós nos casamos,minha avó me disse que o segredo de um casamento feliz é nunca argumentar/brigar por nada.E se alguma vez eu ficasse com raiva de você que eu ficasse quieta e fizesse uma boneca de crochê.O velhinho ficou tão emocionado que teve que conter as lagrimas enquanto pensava:´´Somente duas bonecas preciosas estavam na caixa.Ela ficou com raiva de mim somente duas vezes por todos esses anos de vida e amor.´´-Querida,você me explicou sobre as bonecas,mas esse dinheiro todo de onde veio?
-Ah!Esse é o dinheiro que eu fiz com a venda das bonecas,só sobrou duas.
***Senhor,dai-me sabedoria pra entender meu marido,amor pra perdoá-lo e paciência pra aturá-lo,porque se eu pedir força,eu bato nele!!!!

sábado, 21 de maio de 2011

A RATOEIRA




Um rato,
olhando pelo buraco na parede, vê o fazendeiro e sua esposa

abrindo um pacote.

Pensou logo no tipo de comida que poderia haver ali.

Ao descobrir que era uma ratoeira, ficou aterrorizado.

Correu ao pátio da fazenda advertindo a todos:

"- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa!!!
"

A galinha, disse:

"- Desculpe-me Sr. Rato, eu entendo que isso seja um
grande problema para o
senhor, mas não me prejudica em nada, não me incomoda."

O rato foi até o porco e lhe disse:

"- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira!!!"

"- Desculpe-me Sr. Rato, disse o porco, mas não há
nada que eu possa fazer,
a não ser rezar. Fique tranqüilo que o senhor será lembrado nas minhas
preces."

O rato dirigiu-se então à vaca. Ela lhe disse:

"- O que Sr. Rato? Uma ratoeira? Por acaso estou em
perigo? Acho que não! "

Então o rato voltou para a casa, cabisbaixo e abatido, para
encarar a ratoeira
do fazendeiro.

Naquela noite ouviu-se um barulho, como o de uma ratoeira
pegando sua

vítima. A mulher do fazendeiro correu para ver o que havia pego. No escuro, ela
não viu que a ratoeira havia pego a cauda de uma cobra venenosa. E a cobra
picou a mulher...

O fazendeiro a levou imediatamente ao hospital. Ela voltou
com febre.

Todo mundo sabe que para alimentar alguém com febre, nada
melhor que uma
canja de galinha. O fazendeiro pegou seu cutelo e foi providenciar o ingrediente
principal.

Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos
vieram visitá-la.
Para alimentá-los o fazendeiro matou o porco. A mulher não melhorou e acabou
morrendo. Muita gente veio para o funeral.

O fazendeiro então sacrificou a vaca, para alimentar todo
aquele povo.

Na próxima vez que você ouvir dizer que alguém está
diante de um problema e acreditar que o problema não lhe diz respeito,
lembre-se que, quando há uma
ratoeira na casa, toda a fazenda corre risco. O problema de um é problema
de todos.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

O JIPE





Um jovem cumpria o seu dever cívico prestando serviço ao exército, mas era ridicularizado por ser cristão.

Um dia o seu superior hierárquico, na intenção de humilhá-lo na frente do pelotão, pregou-lhe uma peça...

- Soldado Coelho, venha até aqui!
- Pois não Senhor.
- Segure essa chave. Agora vá até aquele jipe e o Estacione ali na frente.

- Mas senhor, o senhor sabe perfeitamente que eu não sei dirigir.
- Soldado Coelho, eu não lhe perguntei nada. Vá até o jipe e faça o que eu lhe ordenei...
- Mas senhor, eu não sei dirigir!
- Então peça ajuda ao seu Deus. Mostre-nos que Ele existe.

O soldado não temendo, pegou a chave das mãos do seu superior e foi até o veículo.
Entrou, sentou-se no banco do motorista e imediatamente começou sua oração.

"Senhor, tu sabes que eu não sei dirigir. Guie as minhas mãos e mostre a essas pessoas a sua fidelidade.
Eu confio em Ti e sei que podes me ajudar. Amém."

O garoto, manobrou o veículo e estacionou perfeitamente como queria o seu superior.
Ao sair do veículo, viu todo o pelotão chorando e alguns de joelhos...

- O que houve gente? - perguntou o soldado.
- Nós queremos o teu Deus, Coelho. Como fazemos para tê-lo? Perguntou o seu superior.

- Basta aceitá-lo como seu Senhor e Salvador. Mas porquê todos decidiram aceitar o meu Deus?

O superior pegou o soldado pela gola da camisa, caminhou com ele até o jipe enxugando suas lágrimas.

Chegando lá, pediu ao soldado: "levante o capô do veículo " e o mesmo estava sem o motor!

DEUS CUIDA DOS SEUS , POIS ESTES LHE CUSTOU UM ALTO PREÇO.
SEJA VOCÊ TAMBÉM UMA SEMENTE DE JESUS E VOCÊ SEMPRE COLHERÁ BONS FRUTOS!!

Espere...

No tempo de Deus (que não é o seu) aquilo que você tanto almeja ser-lhe-à dado se for da vontade do Pai.
Se você está passando por provas, não se desespere.
O Senhor está formando seu caráter e no tempo certo Ele lhe dará a vitória.

Deus tem visto suas lutas!
" BEM SEI QUE TUDO PODES E NENHUM DE TEUS PLANOS PODE SER FRUSTRADO"
JÓ 42.2

domingo, 15 de maio de 2011

A MENINA DO VESTIDO AZUL





Num bairro pobre de uma cidade distante, morava uma garotinha muito bonita. Acontece que essa menina freqüentava as aulas da escolinha local num estado lamentável. Suas roupas eram tão velhas que seu professor resolveu dar-lhe um vestido novo. Assim raciocinou o mestre: "É uma pena que uma aluna tão encantadora venha às aulas desarrumada desse jeito. Talvez, com algum sacrifício, eu pudesse comprar para ela um vestido azul".Quando a garota ganhou a roupa nova, sua mãe não achou razoável que, com aquele traje tão bonito, a filha continuasse a ir ao colégio suja como sempre, e começou a dar-lhe banho todos os dias, antes das aulas. Ao fim de uma semana, disse o pai: "Mulher, você não acha uma vergonha que nossa filha, sendo tão bonita e bem arrumada, more num lugar como este? Que tal você ajeitar a casa, enquanto eu, nas horas vagas, vou dando uma pintura nas paredes, consertando a cerca, plantando um jardim?"E assim fez o humilde casal. Sua casa ficara mais bonita que todas as outras da rua, e os vizinhos, inspirados naquela casa, se puseram a arrumar as suas próprias moradias. Desse modo, todo o bairro melhorou consideravelmente. Por ali, passava um político que, bem impressionado, disse: "É lamentável que gente tão esforçada não receba nenhuma ajuda do governo". E, dali, saiu para ir falar com o prefeito, que o autorizou a organizar uma comissão para estudar que melhoramentos eram necessários ao bairro. Dessa primeira comissão surgiram muitas e muitas outras e hoje, por todo o país, elas ajudaram os bairros pobres a crescerem e melhorarem.E pensar que tudo começou com um vestido azul.Não era intenção daquele simples professor concertar toda a rua, o bairro, nem criar um organismo que socorresse os bairros abandonados de todo o país. Mas ele fez o que podia, ele deu a sua parte, ele fez o primeiro movimento do qual se desencadeou toda aquela transformação. (Gardel Costa)Ao ouvir esta historia, fiquei pensando no poder de um pensamento. Muitas pessoas têm sonhos, que elas mesmas não permitem que sejam realizados. Quantas vezes achamos impossível a transformação de um sistema, de uma realidade, de uma vida? Quantas vezes não nos permitimos sonhar por achar impossível estes sonhos. Os grandes feitos da humanidade partiram também de um pensamento. Todos os grandes ou pequenos movimentos em prol da vida em abundância do mundo partiram de um pensamento aqui e acolá. A frase "sonho que se sonha sozinho é somente um sonho, mas sonho que se sonha junto se torna realidade" reflete isso. Também é isto que Jesus Cristo quer nos dizer em tantas historias que nos contou. Ele não somente sonhou como fez acontecer. Ele disse: "Vocês são o sal da terra e a luz do mundo"...Juntos temperamos e iluminamos melhor.Cada atitude nossa, mesmo que pareça pequena e que não dê frutos instantâneos, é importante e traz resultados. Existem sonhos iguais espalhados pelo mundo inteiro. Que possamos sonhar na certeza de que este sonho pode se tornar realidade. Esta certeza nós temos no próprio Cristo que tornou o sonho da nossa salvação realidade.
"E difícil reconstruir um bairro, mas é possível dar um vestido azul".
Autor Desconhecido

terça-feira, 10 de maio de 2011

O VALOR REAL DA BÍBLIA




Há muitos anos atrás, existiu um homem muito
rico que no dia do seu aniversário chamou
toda a criadagem em sua sala para
receberem presentes.

Colocou-os à sua frente na seguinte ordem:
O cocheiro - o jardineiro - a cozinheira - a
arrumadeira - o pequeno mensageiro.

Em seguida dirigindo-se a eles, explicou o
motivo de chamá-los e por fim, fez uma
pergunta, esperando que cada um
desse sua própria resposta.

O que você prefere receber agora: esta
Bíblia ou este valor em dinheiro?

Eu gostaria de receber a Bíblia, respondeu
o cocheiro. Mas, como não aprendi a ler,
o dinheiro me será bem mais útil!

Recebeu então o dinheiro, e agradeceu.
O patrão pediu que não saisse do lugar

Era a vez do jardineiro fazer a sua escolha
e, escolhendo bem as palavras, falou:

Minha mulher está adoentada e por esta
razão tenho necessidade do dinheiro,
em outra circunstância escolheria,
sem dúvida, a Bíblia.

Como aconteceu com o primeiro, ele
também permaneceu na sala após
receber o dinheiro do patrão.

Agora, pela ordem, falaria a cozinheira
que teve tempo de elaborar bem
a sua resposta:

Eu sei ler, porém, nunca encontro tempo
nem para folhear uma revista, portanto
prefiro o dinheiro assim compro
um vestido novo.

Eu já possuo uma Bíblia e não preciso
de outra; assim, prefiro o dinheiro -
informou a arrumadeira.

Finalmente chegou a vez do menino
de recados. Sabendo que ele era
bastante necessitado, o patrão
se adiantou e disse:

Certamente você também prefere o
dinheiro, para comprar uma nova
sandália, não é meu rapaz?

Muito obrigado pela sugestão. De fato,
estou precisando muito de um novo
calçado, mas prefiro a Bíblia.

Minha mãe me ensinou que a palavra
de Deus é mais desejável que o ouro
- disse o pequeno mensageiro -

Ao receber o bonito volume, o menino
feliz abriu a Bíblia e nisso caiu aos
seus pés uma moeda de ouro.

Virando as páginas, foi deparando
com outros valores em notas.

Com isso, os outros criados perceberam
seus erros e, envergonhados, um a
um foram deixando o recinto.

A sós com o menino, o patrão
disse comovido:

Que Deus o abençoe meu filho. E também a
sua querida mãe, que tão bem o ensinou
a valorizar a Palavra de Deus!

sábado, 7 de maio de 2011

Mãe, Exemplo de Mulher Eyshila e Liz Lanne

"MULHER, MÃE: CHORA MAS CONTINUA CAMINHANDO!"



O título desta postagem é uma frase dita por uma secretária chamada Sandra às suas colegas de trabalho, quando tentavam se salvar de um incêndio ocorrido em edifício comercial no centro de Taubaté (SP), no dia 4 de fevereiro de 2.011. Ao se verem cercadas pelo fogo e pela fumaça tóxica, aquelas mulheres se desesperaram e, paralisadas, só gritavam e choravam muito. Num brado cheio de autoridade e determinação, Sandra disse àquelas mulheres que até podiam chorar, mas que continuassem caminhando. Foi o que fizeram e todas se salvaram.

Este fato me fez refletir sobre as tantas e tantas vezes que, direta ou indiretamente, o Senhor Deus me disse a mesma coisa, quando estive em meio a tribulações terríveis. Quantas vezes só chorei, sem forças para lutar e prosseguir! Quantas vezes me vi cercada por "labaredas", sem a menor visibilidade, sem saída nenhuma, mas em um dado momento a voz do Senhor me apontou o caminho, levantei os olhos, vi a saída e uma força sobre natural me fez reagir e dar a volta por cima!

Muitas vezes Deus usa pessoas ao nosso redor para nos transmitir o seu recado e devemos estar atentos a isto. Temos que diariamente pedir ao Senhor que nos dê o discernimento necessário para saber diferenciar o recado que vem dEle, porque o diabo nos assedia constantemente, trazendo palavras de derrota. Aquelas mulheres paralisadas e em desespero estavam sob o domínio do medo, uma sensação transmitida pelo diabo. Elas certamente morreriam ali, não fosse a intervenção de Deus, através de Sandra. Quando Deus fala, o diabo se cala, porque a voz do Senhor é forte e poderosa!

Então hoje aqui eu quero fazer como fez Sandra: Digo a todas vocês, minhas leitoras que eu amo tanto: VOCÊS PODEM ATÉ CHORAR, MAS CONTINUEM CAMINHANDO! Não entreguem os pontos, não desistam da luta, descruzem os braços, não se autoflagelem e nem vivam de murmurações, porque pra tudo há uma saída sempre.

Meditem na força que tem A VOZ DO SENHOR em SALMOS 29:

"Dai ao Senhor, ó filhos dos poderosos, dai ao Senhor glória e força.
Dai ao Senhor a glória devida ao seu nome, adorai o Senhor na beleza da santidade.
A voz do Senhor ouve-se sobre as suas águas; o Deus da glória troveja; o Senhor está sobre as muitas águas.
A voz do Senhor é poderosa; a voz do Senhor é cheia de majestade.
A voz do Senhor quebra os cedros; sim, o Senhor quebra os cedros do Líbano.
Ele os faz saltar como um bezerro; ao Líbano e Siriom, como filhotes de bois selvagens.
A voz do Senhor separa as labaredas do fogo.
A voz do Senhor faz tremer o deserto; o Senhor faz tremer o deserto de Cades.
A voz do Senhor faz parir as cervas, e descobre as brenhas; e no seu templo cada um fala da sua glória.
O Senhor se assentou sobre o dilúvio; o Senhor se assenta como Rei, perpetuamente.
O Senhor dará força ao seu povo; o Senhor abençoará o seu povo com paz."

segunda-feira, 2 de maio de 2011

MÃE MÁ!




O texto, a seguir transcrito, foi publicado recentemente por ocasião da morte estúpida de Tarcila Gusmão e Maria Eduarda Dourado, ambas de 16 anos, em Maracaípe Porto de Galinhas. Depois de 13 dias desaparecidas, as mães revelaram desconhecer os proprietários da casa onde as filhas tinham ido curtir o fim de semana. A tragédia abalou a opinião pública e o crime permanece sem resposta.

(Dr. Carlos Hecktheuer, Médico Psiquiatra)

“Um dia quando meus filhos forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e mães, eu hei de dizer-lhes: Eu os amei o suficiente para ter perguntado aonde vão, com quem vão e a que hora regressarão.

Eu os amei o suficiente para não ter ficado em silêncio e fazer com que vocês soubessem que aquele novo amigo não era boa companhia.

Eu os amei o suficiente para os fazer pagar as balas que tiraram dos supermercados ou revistas do jornaleiro, e os fazer dizer ao dono: “Nós pegamos isto ontem e queriamos pagar”.

Eu os amei o suficiente para ter ficado em pé, junto de vocês, duas horas, enquanto limpavam o seu quarto, tarefa que eu teria feito em 15 minutos.

Eu os amei o suficiente para os deixar ver além do amor que eu sentia por vocês, o desapontamento e também as lágrimas dos meus olhos.

Eu os amei o suficiente para os deixar assumir a responsabilidade das suas ações, mesmo quando as penalidades eram tão duras que me partiam o coração.

Mais do que tudo, eu os amei o suficiente para dizer-lhes NÃO, quando eu sabia que vocês poderiam me odiar por isso ( e em alguns momentos até odiaram).

Essas eram as mais difíceis batalhas de todas. Estou contente, venci... Porque no final vocês venceram também! E em qualquer dia, quando meus netos forem crescidos o suficiente para entender a lógica que motiva os pais e mães; quando eles lhes perguntarem se sua mãe era má, meus filhos vão lhe dizer:

“Sim, nossa mãe era má. Era a mãe mais má do mundo...

As outras criianças comiam doces no café e nós só tinhamos que comer cereais, ovos, torradas.

As outras crianças bebiam refrigenrante e comiam batatas fritas e sorvetes no almoço e nós tinhamos que comer arroz, feijão, carne, legumes e frutas. Mamãe tinha que saber quem eram nossos amigos e o que nós faziamos com eles.

Insistia que lhe disséssemos com quem iamos sair, mesmo que demorássemos apenas uma hora ou menos. Ela insistia sempre conosco para que lhe disséssemos sempre a verdade e apenas a verdade.

E quando éramos adolescentes, ela conseguia até ler os nossos pensamentos. A nossa vida era mesmo chata!

Ela não deixava os nossos amigos tocarem a buzina para que saissemos; tinham que subir, bater à porta, para ela os conhecer.

Enquanto todos podiam voltar tarde, tarde da noite com 12 anos, tivemos que esperar pelo menos 16 para chegar um pouco mais tarde, e aquela chata levantava para saber se a festa foi boa ( só para ver como estávamos ao voltar).

Por causa de nossa mãe, nós perdemos imensas experiências na adolescencia.


Nenhum de nós esteve envolvido com drogas, em roubo, em atos de vandalismo, em violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime. Por causa de nossa mãe, nós perdemos imensas experiências na adolescencia.

Nenhum de nós esteve envolvido com drogas, em roubo, em atos de vandalismo, em violação de propriedade, nem fomos presos por nenhum crime.

FOI TUDO POR CAUSA DELA!

Agora que já somos adultos, honestos e educados, estamos fazendo o melhor para sermos “PAIS MAUS”, COMO MINHA MÃE FOI. Eu acho que este é um dos males do mundo de hoje: NÃO HÁ SUFICIENTES MÃES MÁS!

Aquelas que já são mães, que não se culpem, e aquelas que serão, que isso sirva de alerta!

Porque as Mulheres Choram?




Autor Desconhecido.

Um garotinho perguntou à sua mãe:

- Mamãe, por que você está chorando?

E ela respondeu:
- Porque sou mulher...
- Mas... eu não entendo.

A mãe se inclinou para ele, abraçou-se e disse:
- Meu amor, você jamais irá entender!

Mais tarde o menininho perguntou ao pai:
- Papai, porque mamãe às vezes chora sem motivo?
- Todas as mulheres sempre choram sem motivo...

Era tudo o que o pai era capaz de responder...

O garotinho cresceu e se tornou um homem. E, de vez em quando, fazia a si mesmo a pergunta: "por que será que as mulheres choram, sem ter motivo para isso?"

Certo dia esse homem se ajoelhou e perguntou a Deus:
- Senhor, diga-me... por que as mulheres choram com tanta facilidade?

E Deus lhe disse:
- Quando eu criei a mulher, tinha que fazer algo muito especial.
Fiz seus ombros suficientemente fortes, capazes de suportar o peso do mundo inteiro... porém suficientemente suaves para confortá-lo.
Dei a ela uma imensa força interior para que pudesse suportar as dores da maternidade e também o desprezo que muitas vezes provem de seus próprios filhos!
Dei-lhe a fortaleza que lhe permite continuar sempre a cuidar de sua família, sem se queixar, apesar das enfermidades e do cansaço, até mesmo quando outros entregam os pontos!
Dei-lhe sensibilidade para amar seus filhos, em qualquer circunstância, mesmo quando esses filhos a tenham magoado muito...
Essa sensibilidade lhe permite afugentar qualquer tristeza, choro ou sentimento da criança, e compartilhar as ansiedades, dúvidas e medos da adolescência!
Porém, para que possa suportar tudo isso, meu filho... eu lhe dei as lágrimas, e são exclusivamente, para usá-las quando precisar. Ao derramá-las, a mulher verte em cada lágrima um pouquinho de amor. Essas gotas de amor desvanecem no ar e salvam a humanidade!

O homem respondeu com um profundo suspiro...
- Agora eu compreendo o sentimento de minha mãe, de minha irmã, de minha esposa.

Postagens populares

VENHA FAZER PARTE TAMBÉM

VENHA FAZER PARTE TAMBÉM

PALAVRA DE DEUS PARA VOCÊ NESTA HORA!

A TODOS OS AMIGOS E IRMÃOS NA FÉ!

A TODOS OS AMIGOS E IRMÃOS NA FÉ!

DEUS

DEUS